Home / Notícias / A Bíblia volta ao palácio, diz nova presidente interina da Bolívia
Bolivian Senator Jeanine Anez gestures as she poses for a picture after she declared herself as Interim President of Bolivia, at the Presidential Palace, in La Paz, Bolivia November 12, 2019. REUTERS/Carlos Garcia Rawlins

A Bíblia volta ao palácio, diz nova presidente interina da Bolívia

Jeanine Áñez, presidente interina da Assembleia Legislativa da Bolívia, se declarou presidente do país. Ao entrar no Palácio Quemado, sede do governo, fez questão de estar com uma Bíblia na mão e declarou: “A Bíblia volta ao palácio”.

Luis Camacho, um dos líderes opositores que defenderam a renúncia de Evo Morales, junto com Carlos Mesa, segundo colocado no pleito fraudado, já haviam feito um “ato religioso” no local. Se colocaram de joelhos diante da Bíblia e da bandeira do país.

Morales, que recebeu asilo político no México, continua sua saga de denunciar suposto “golpe” ocorrido contra si.

O Brasil, através do chanceler Ernesto Araújo, se tornou o primeiro país a reconhecer Jeanine como presidente interina da Bolívia. Araújo afirmou que o “rito constitucional boliviano está sendo cumprido”.

 

Bem-aventurada é a nação cujo Deus é o Senhor, e o povo ao qual escolheu para sua herança.

Salmos 33:12

Veja Também

Após visão de Jesus, cristãos são salvos de fuzilamento do Boko Haram

Um grupo de 500 cristãos nigerianos de origem muçulmana, que se reuniram em busca de ...

DEIXE UM COMENTÁRIO